Brasileiros vão estudar medicina na Argentina, sem vestibular

"Em vez de vestibular, os pretendentes a uma faculdade pública na Argentina fazem o chamado ciclo básico comum, conhecido como CBC, um curso pré-graduação que dura cerca de um ano. Para quem quer seguir medicina, há ênfase nas aulas de biologia e química.

Ao longo do curso, que já conta como primeiro ano de universidade, são aplicados exames regularmente. Na Universidade de Buenos Aires (UBA), o curso de medicina é o mais concorrido: teve 5.986 inscritos em 2010. Nas faculdades privadas, esse curso é mais rápido, em torno de três meses." *

Apesar de não haver vestibular para ingresso, são necessários diversos trâmites para a matrícula na faculade. Assim, recomendamos a procura de uma empresa especializada no assunto: EducAR Intercâmbios.

* Parte do texto apresentado no jornal Valor Econômico, 31/05/2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário