Dilma diz que 'vale brigar' para contratar médicos estrangeiros

Diante de uma plateia de prefeitos repleta de pleitos, entre eles a contratação de médicos estrangeiros, a presidente Dilma Rousseff declarou na noite desta terça-feira (23 de abril) ser a favor de comprar a briga e "importar" os profissionais para a rede pública

O governo federal já estuda uma forma de facilitar a atuação de médicos estrangeiros e de brasileiros formados no exterior na rede pública de saúde. Atualmente, esse ingresso é feito principalmente pelo Revalida, exame tido como difícil e com alta taxa de reprovação. 

Os prefeitos, contudo, pressionam a presidente para autorizar a contratação dos estrangeiros. Nesta terça, o presidente da Frente Nacional de Prefeitos, João Coser, fez outras cobranças explícitas à presidente.

Leia mais da notícia no site da Folha de São Paulo.

Debatedores pedem revalidação mais rápida, mas não automática, de diplomas emitidos no exterior

Encontro na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) discutiu o Projeto de Lei do Senado (PLS) 399/2011, conhecido como Arcu-Sul, que trata da revalidação e do reconhecimento automático de diplomas de instituições de ensino superior estrangeiras. O pedido dos participantes incluiu maior agilidade no processo, menos burocracia e critérios mais transparentes para revalidação no Brasil de diplomas obtidos no exterior, porém a maioria dos debatedores foi contra a revalidação automática dos diplomas.

Confira mais do debate na notícia da Agência Senado.