Importação de médicos começa com edital para 4 mil vagas

O governo federal já tem o texto básico do programa Médicos Visitantes, cujo anúncio é previsto para a próxima semana. Numa primeira etapa, devem ser chamados, por meio de edital, 4 mil médicos de Portugal, Espanha e, provavelmente, da Argentina e Uruguai. Médicos de Cuba devem ser chamados nas próximas etapas.

Um dos principais motivos de atrito com as entidades de classe, a regularização do registro dos médicos importados será objeto de uma medida provisória. O "registro profissional do médico será em caráter provisório e automático, vinculado ao exercício de atividades exclusivamente do programa", de acordo com a última versão do programa Médicos Visitantes.

O governo analisa, mas ainda não tem uma decisão tomada a respeito da validação de diplomas de brasileiros que cursaram medicina no exterior, especialmente Argentina e Uruguai. Há também uma leva de brasileiros que foram estudar medicina em Cuba com o mesmo problema. Trata-se de uma discussão antiga, que pode ser agora resolvida com a decisão do governo federal de lançar o programa Médicos Visitantes.

Confira mais da notícia neste link.

Nenhum comentário:

Postar um comentário